Exames

Exames

Nesse procedimento, é realizada a aplicação de injeção no olho, liberando medicamentos específicos em um local do olho chamado Vítreo (ou Humor Vítreo), uma região que contém uma massa gelatinosa, transparente e incolor que preenche o espaço do globo ocular entre o Cristalino e a Retina. Uma de suas funções é manter posicionada a Retina, evitando assim o seu descolamento.

  • PREPARO

    Você deverá chegar 1 hora antes do procedimento, para a realização da dilatação da pupila. O procedimento completo dura apenas aproximadamente 20 minutos, desde a entrada na sala de cirurgia até o término do procedimento.

A audiometria é um exame que avalia a audição e deve ser realizado por pelo profissional especializado: fonoaudiólogo. O paciente, no interior de uma cabine, é testado para sua audição. O resultado é expresso em um audiograma, que é um gráfico que revela as capacidades auditivas do paciente.

  • PREPARO

    Estar com os ouvidos e condutos auditivos limpos. Repouso auditivo (Evitar sons muitos altos por período prolongado. Exemplo: exposição à caixas acústicas, fones de ouvido etc.) Obs.: Evitar fazer o exame caso esteja resfriado ou com dor de ouvido.

A biopsia é um procedimento cirúrgico no qual se colhe uma amostra de tecidos ou células para posterior estudo em laboratório, tal como a evolução de determinada doença crônica.

  • TIPOS DE BIOPSIA

    Pele, mama com agulha grossa guiada por ultrassom, tireoide, próstata com sedação, medula óssea e colo uterino.

  • PREPARO

    Biopsia de Próstata: É necessário um jejum de quatro a seis horas. O paciente deve estar de bexiga vazia. As medicações rotineiras não precisam ser suspensas, mas deve-se suspender por oito ou dez dias antes do exame os anticoagulantes ou medicações que interfiram com a coagulação sanguínea, como o ácido acetilsalicílico (AAS), por exemplo. Antibióticos devem ser tomados profilaticamente, conforme orientação médica. Um preparo intestinal, por via retal, deve ser feito três horas antes do exame, conforme orientação médica. Ele visa fazer o esvaziamento e lavagem da ampola retal, o que favorece em muito o exame. O paciente deve ir ao exame acompanhado, porque em caso de receber uma sedação, pode ainda estar sob efeito da medicação quando terminar o procedimento e não deve dirigir veículos automotores ou operar máquinas e instrumentos que exijam atenção e coordenação motora.

    Biopsia Colo do Útero: – Não ter relações sexuais três dias antes do exame; – Não estar menstruada; – Não ter usado qualquer tipo de ducha ou creme vaginal na última semana.

    Outros exames: não requer nenhuma preparação especial de sua parte.

Exame realizado com laser Nd: YAG laser, indicado principalmente para tratamento de opacidade capsular no pós-cirúrgico de catarata. Em alguns casos a cirurgia de catarata pode evoluir para uma opacidade em uma região do olho chamada de cápsula posterior, na qual a lente intraocular está apoiada. Essa opacidade evolui com piora na visão após a cirurgia, chamada por alguns como de segunda catarata, pois a visão volta a ficar turva. O processo de aplicação do laser elimina essa opacidade, restabelecendo a visão.

  • PREPARO

    Não requer nenhuma preparação especial de sua parte.

A cirurgia é feita com a raspagem do tecido excedente. Após a cirurgia, a pessoa deverá ser tratada com analgésicos para aliviar a dor, será monitorizada de acordo com as complicações e terá de ser acompanhada o resultado na melhoria do campo visual. A cirurgia para retirada do pterígio é indicada em casos de extremo desconforto estético associado à gravidade dos sintomas.

A trabeculectomia é uma cirurgia realizada no tratamento do glaucoma, consistindo na realização de uma fístula da câmara anterior para debaixo da conjuntiva através da esclera-malha trabecular, possibilitando a drenagem do humor aquoso. Esta operação permite, assim, o controle da pressão intraocular. Ou seja, através da drenagem do humor aquoso permitimos a estabilização da pressão intraocular, evitando, desta forma, a progressão da doença.

A catarata e um processo de opacificação do cristalino, que é uma lente natural dos olhos localizada atrás da íris. Essa lente (cristalino) é normalmente clara e transparente. Com o aparecimento da catarata, ela se torna opaca e impede a passagem dos raios luminosos que formam a imagem no fundo do olho.

É um exame que permite a visualização direta do interior do reto, cólon e parte do íleo terminal através de um tubo flexível introduzido pelo ânus, contendo em sua extremidade uma minicâmera de TV que transmite imagens coloridas, podendo ser fotografadas ou gravadas em vídeo.

  • PREPARO

    Dia anterior ao exame (véspera):
    – Proibidos: carne vermelha, verduras de folhas, frutas, leite e derivados e feijão. – Almoço e jantar(até as 20:00 horas): apenas água, chá, café, suco coado, refrigerante, pão, biscoito, arroz, batata cozida, macarrão (tipo miojo), caldos coados. – Após o jantar (20:00 horas) são permitidos apenas líquidos claros como: água, refrigerantes, chás, bebidas isotônicas (gatorade) e similares, caldos coados, gelatina (limão, laranja, tangerina e abacaxi), refrescos e água de coco. – Às 18h: Tomar 4 comprimidos de Bisacodil.
    Dia do exame Café da manhã (até 6 horas da manhã): apenas líquidos claros como água, refrigerantes, chás, bebidas isotônicas (gatorade) e similares, caldos coados, gelatina (limão, laranja, tangerina e abacaxi), refrescos e água de coco. Às 6 h: Misturar 200 ml (01 frasco) de Lactulose (Duphalac) e 01 frasco inteiro (cerca de 15 ml) de Dimeticona em 1000 ml (1 LITRO) de limonada coada e sem açúcar (ou água, se preferir). Tomar um copo (cerca de 300 ml) a cada 10 minutos, até acabar (você deve tomar todo o líquido em cerca de 30 a 40 minutos). Durante o preparo intestinal e logo após o mesmo, procure fazer caminhadas dentro de casa e ingerir líquidos claros como água, gatorade e similares e água de coco (1 a 2 litros) para não desidratar. Jejum absoluto (não pode nem água!) a partir das 9 h.

A colposcopia é um exame que faz parte do rastreamento de câncer de colo do útero, juntamente com teste de Papanicolau e/ou testes específicos para detecção do HPV. Em geral é um exame para complementar os demais, uma parte importante da prevenção que visa diagnosticar lesões que antecedem o câncer e assim evitar o câncer cervical. A colposcopia permite que a(o) ginecologista examine o colo do útero e a vagina com lentes de aumento. Biópsias também podem ser feitas no momento da colposcopia. A colposcopia então é a visualização do colo do útero com o aparelho chamado colposcópio e as biópsias são a remoção de pequena amostra de tecido do colo do útero, no momento da colposcopia, com equipamento apropriado, para exame laboratorial.

  • PREPARO

    A colposcopia pode ser feita a qualquer momento do mês, mas não é possível realizar durante o período da menstruação.

A Densitometria Óssea estabeleceu-se como o método mais moderno, aprimorado e inócuo para se medir a densidade mineral óssea e comparado com padrões para idade e sexo. Essa é condição indispensável para o diagnóstico e tratamento da osteoporose e de outras possíveis doenças que possam atingir os ossos. Os aparelhos hoje utilizados conseguem aliar precisão e rapidez na execução dos exames, a exposição a radiação é baixa, tanto para o paciente como para o próprio técnico. Cumpre lembrar que, de acordo com o item 32.4.4 da NR-32, grávidas não podem trabalhar com radiação ionizante em serviços de saúde, independentemente do nível de exposição à radiação. As partes mais afetadas na osteoporose são: o colo do fêmur, coluna, a pelve e o punho. As partes de interesse na obtenção das imagens para diagnóstico são o fêmur e a coluna vertebral. Sabe-se que hoje a densitometria óssea é o único método para um diagnóstico seguro da avaliação da massa óssea e consequente predição do índice de fratura óssea. Segundo a Organização Mundial de Saúde, OMS, a osteoporose é definida como doença caracterizada por baixa massa óssea e deterioração da micro-arquitetura do tecido ósseo. O objetivo de se fazer uma densitometria óssea é avaliar o grau da osteoporose, indicar a probabilidade de fraturas e auxiliar no tratamento médico. O paciente não necessita de preparo especial e nem de jejum. O exame leva aproximadamente 15 minutos. A osteoporose pode ser controlada com base nos resultados obtidos com a densitometria.

  • PREPARO

    No dia do exame de densitometria óssea, evite usar roupas com botões ou fivelas de metal para o teste, pois estes podem inferir no resultado. Joias como colares e pulseiras também devem ser evitados, bem como sutiãs com aros de ferro. É recomendado também que a pessoa não tome qualquer suplementação de cálcio no dia, pois a pílula pode aparecer no exame da coluna e interferir no resultado.

A ecocardiografia ou ecocardiograma com Doppler abrange os métodos de diagnóstico da estrutura e do funcionamento do coração baseados no uso de ultrassom, ou seja, as ondas acústicas com frequência de mais de 20 mil Hz, geralmente em torno de 2 a 4 MegaHertz.

O eletrocardiograma é um procedimento rápido, simples e indolor no qual os impulsos elétricos do coração são amplificados e registrados. Esse registro, o eletrocardiograma (também conhecido como um ECG), fornece informações sobre a parte do coração que desencadeia cada batimento cardíaco (o marca-passo, chamado nó sinoatrial ou sinusal), as vias de condução nervosa do coração, bem como a frequência e ritmo cardíacos. Às vezes, o ECG pode mostrar que o coração está aumentado (geralmente devido a hipertensão arterial) ou que o coração não está recebendo oxigênio suficiente devido a um bloqueio em um dos vasos sanguíneos que alimentam o coração (as artérias coronárias).

Eletroencefalografia é um método de monitoramento eletrofisiológico que é utilizado para registrar a atividade elétrica do cérebro. Trata-se de um método normalmente não-invasivo, com eletrodos colocados no couro cabeludo, muito embora haja alguns métodos utilizados em aplicações específicas que são invasivos.

Eletroneuromiografia é um exame neurofisiológico, utilizado no diagnóstico e prognóstico de lesões no sistema nervoso periférico. Exame que pode ser utilizado por médicos de diferentes áreas na avaliação dos componentes sensoriais e motores dos nervos e dos músculos.

A Endoscopia permite analisar esôfago, estômago e duodeno, auxiliando no diagnóstico de várias doenças do trato digestivo.

  • PREPARO

    aconselha-se uma refeição leve e jejum mínimo de oito horas. Já a água está liberada por até quatro horas antes do exame.

Espirometria é um exame do pulmão, também conhecido como Prova de Função Pulmonar, Prova Ventilatória ou Exame do sopro, realizado por médico pneumologista e fisioterapeuta. A espirometria permite o registro de vários volumes e dos fluxos de ar

A coagulação a laser ou a cirurgia de fotocoagulação a laser é usada para tratar várias doenças oculares e se tornou amplamente usada nas últimas décadas. Durante o procedimento, um laser é usado para cauterizar finamente os vasos sanguíneos oculares para tentar trazer vários benefícios terapêuticos.

Monitor Holter é um dispositivo portátil que monitora continuamente a atividade elétrica cardíaca de pacientes por 24 horas ou mais.

Uma iridectomia, também conhecida como iridectomia ou corectomia cirúrgica, é a remoção cirúrgica de parte da íris. Estes procedimentos são mais frequentemente realizados no tratamento do glaucoma de ângulo fechado e do melanoma da íris.

A mamografia ou mastografia é um exame de rastreio por imagem, que tem como finalidade estudar o tecido mamário. Esse tipo de exame pode detectar um nódulo, mesmo que este ainda não seja palpável.

O exame MAPA (Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial) é responsável por medir automaticamente a pressão arterial. … O exame estabelece uma média entre o período em que o paciente está dormindo e o momento em que está acordado e ativo.

Nasofibroscopia é um exame feito através de um aparelho que é passado através do nariz, com uma fibra ótica na ponta, onde se faz a avaliação da cavidade nasal até a laringe.

Tomografia de Coerência Óptica – OCT. A tomografia de coerência óptica, é um dos mais recentes exames complementares utilizado no diagnóstico das doenças da retina e vítreo, consistindo na obtenção de cortes transversais da retina e interface vitreoretiniana.

O exame de raio X é um procedimento para diagnóstico médico. Ele é feito usando radiação ionizante, que utiliza os raios X para gerar uma imagem médica (radiografia) de diferentes partes do corpo humano. De acordo com a Sociedade Brasileira de Reumatologia, os raios X são radiações eletromagnéticas.

Registro da retina e do nervo óptico. É uma foto do fundo de olho. A retinografia serve como registro de alterações ou até mesmo do fundo de olho normal. Auxilia no diagnóstico e acompanhamento das doenças da retina por meio da análise direta das imagens ou auxiliando outros exames, como com a angiografia fluorescente.

Angiofluoresceinografia ou Retinografia Fluorescente é um procedimento de diagnóstico que utiliza uma câmera fotográfica especial para tirar uma série de fotografias da retina, depois de injetado corante na veia do paciente. O corante, fluoresceína sódica, é injetado na veia do braço para a realização do exame.

A Retossigmoidoscopia é um exame endoscópico de imagem realizado através da observação direta do interior do canal anal, reto e cólon sigmóide e intestino grosso. Este exame pode ser realizado tanto com aparelho rígido como com aparelho flexível, sendo que o alcance de visão deste último é maior.

O teste ergométrico serve para a avaliação ampla do funcionamento cardiovascular, quando submetido a esforço físico gradualmente crescente, em esteira rolante. São observados os sintomas, os comportamentos da frequência cardíaca, da pressão arterial e do eletrocardiograma antes, durante e após o esforço.

O objetivo desse teste é utilizar meios de provocação para verificar a resposta de pressão dos olhos. Muito utilizado para o diagnóstico e o acompanhamento do Glaucoma. São utilizados ingestão de água ou instilação de medicações que podem estimular aumento da pressão ocular. Esse teste pode ajudar o diagnóstico naqueles casos em que a pressão ocular baixa na hora das consultas.

A ultrassonografia ou ecografia é um método diagnóstico muito recorrente na medicina moderna que utiliza o eco gerado através de ondas ultrassônicas de alta frequência para visualizar, em tempo real, as estruturas internas do organismo.

O ultrassom com doppler, também chamado de ecografia com doppler ou eco-doppler colorido, é um importante exame para avaliar a circulação dos vasos sanguíneos e o fluxo de sangue em um determinado órgão ou região do corpo.

O “estudo urodinâmico”, também chamado de “avaliação urodinâmica”, é um exame que tem como objetivo demonstrar a função do trato urinário inferior. Em termos práticos, ele mostra se a bexiga consegue cumprir sua função: armazenar urina sob baixa pressão e proporcionar adequado esvaziamento (micção normal).